Certificação de Rede

A certificação de rede consiste em uma série de testes que avaliam a aderência dos parâmetros do cabeamento a normas TIA/ISO. Na prática, esses parâmetros demonstram a qualidade geral do cabeamento de uma rede. A certificação por marca, permite à empresa receber uma garantia do fabricante, nesse sentido, oferecemos certificações, Tyco, Panduit, Systimax, Furukawa.

– Mapeamento dos condutores: esse parâmetro é extremamente importante para cabos UTP, ou seja, de pares trançados, pois com esse parâmetro é possível verificar as pinagens de ligação dos conectores foram executadas convenientemente e verificar um eventual mau contato entre os condutores e os conectores e, até mesmo, detectar rupturas nos condutores ao longo do cabo.

– Comprimento: o padrão TIA/EIA 568 especifica os comprimentos máximos que cada segmento deve ter e como o tamanho afeta diretamente a capacidade das estações para compartilharem o cabo.

– Atenuação: esse parâmetro elétrico é o responsável direto pela redução da potência do sinal ao longo do cabo e os fatores elétricos relacionados a esse parâmetro são a resistência elétrica, a reatância indutiva e capacitativa, em que a adição desses fatores resulta no parâmetro denominado atenuação.

– Paradiafonia: Na prática representa o nível de interferência entre os pares do mesmo cabo e qualquer tipo de irregularidade nesse parâmetro influenciará diretamente na transmissão dos cabos.

– Impedância: esse parâmetro também é considerado de grande importância na transmissão de sinais, pois o conjunto total do cabeamento (cabos, acessórios e equipamentos) deve estar em torno do valor estabelecido pela norma TIA/EIA 568, com uma tolerância de 15% aproximadamente. Caso exista uma diferença grande de impedâncias entre os componentes da rede, isso causará uma grande atenuação e o sinal será prejudicado.

– Resistência: indica o valor da resistência do cabo determinado lance. A G&S Tecnologia em Conectividade utiliza-se das mais avançadas tecnologias em equipamentos certificadores de cabeamento metálico e de fibra óptica para garantir a conformidade das instalações com as normas TIA/ISO.